Pages

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Felicidade

Poucas vezes comemorei meu aniversário tão feliz. Não sei explicar as razões.
Minha vida continua a mesma.
Não fiz fama ou fortuna.
As rugas estão mais visíveis
Muitos projetos estão por realizar e nem sei se sairão dos sonhos.
Mas comecei a olhar a vida de um modo diferente, sorvendo devagar os pequenos prazeres, como se provasse de um vinho raro.
Um expresso no ponto, uma tarde com os amigos, um trabalho mais elaborado, um olhar apaixonado.
Já não sonho com os grandes feitos.
Quero apenas a leveza dos dias normais, salpicados por pequenas e boas surpresas.

19 comentários:

Leopoldo Vieira disse...

Ah, minha cara, e neste caso, feliz aniversário!

Rose Gomes disse...

Amiga, tudo de bom pra vc. Que Deus ilumine todo esse brilhante caminho que vc tem construído e percorrido no jornalismo.
Bjs no coração
Rose Gomes

Tiago Chaves disse...

ê Rita :D
Realmente é um feliz aniversário, neste caso =D

Como falei por e-mail, tudo de bom e positivo pra ti :)

Abraços!

Anônimo disse...

Feliz aniversário.
JNP

Anônimo disse...

RITA,
EIS MEU PRESENTE


FELIZ ANIVERSÁRIO, RITA
Esses sonhos que às vezes
Deixamos de sonhar são como
Vento que passa sem deixar vestígio
Além de uma folha caída,
E que fica marrom com o tempo.
Um olhar apaixonado não é, entretanto
Uma xícara de café na tarde de aniversário
Ou um vento. É mais uma brisa
Suave entrando pela alma
(ou saindo da alma).
Pode ser uma folha caída,
Ressequida no jardim das coisas.
Uns vestígios, umas lembranças
Recordâncias renitentes
Que vão..., mas não vão.
Tudo que na memória balança
Enquanto as folhas ressecam
Entre as páginas de papel,
Onde se guarda o que era perfume.

Em 9/7/201

Anônimo disse...

O passar dos anos nos trazem rugas, mas trazem a nobreza de um aprendizado mais apurado e com isso levarmos uma vida mais saudável e serena.Parabéns!Sucesso e saúde para você!

JOSÉ DE ALENCAR disse...

Seja feliz, Rita, agora e sempre.

marcio disse...

Feliz aniversário , Rita.Que Deus te ilumine sempre.
Márcio Farias

Sílvia Sales disse...

Então, lá vai de novo.

Meu presente pra você, Rita

Segue o texto que dá nome ao mais recente livro da Martha Medeiros, "Doidas e Santas". Abre a janela, Rita. Acho que tem gente chamando...

Doidas e Santas

"Estou no começo do meu desespero/e só vejo dois caminhos:/ou viro doida ou santa". São versos de Adélia Prado, retirados do poema A Serenata. Narra a inquietude de uma mulher que imagina que mais cedo o ou mais tarde um homem virá arrebatá-la, logo ela que está envelhecendo e está tomada pela indecisão - não sabe como receber um novo amor não dispondo mais de juventude. E encerra: "De que modo vou abrir a janela, se não for doida? Como a fecharei, se não for santa?".

Adélia é uma poeta danada de boa. E perspicaz. Como pode uma mulher buscar uma definição exata para si mesma estando em plena meia-idade, depois de já ter trilhado uma longa estrada onde encontrou alegrias e desilusões, e tendo ainda mais estrada pela frente? Se ela tiver coragem de passar por mais alegrias e desilusões - e a gente sabe como as desilusões devastam - terá que ser meio doida. Se preferir se abster de emoções fortes e apaziguar seu coração, então a santidade é a opção. Eu nem preciso dizer o que penso sobre isso, preciso?

Mas vamos lá. Pra começo de conversa, não acredito que haja uma única mulher no mundo que seja santa. Os marmanjos devem estar de cabelo em pé: como assim, e a minha mãe???

Nem ela, caríssimos, nem ela.

Existe mulher cansada, que é outra coisa. Ela deu tanto azar em suas relações que desanimou. Ela ficou tão sem dinheiro de uns tempos pra cá que deixou de ter vaidade. Ela perdeu tanto a fé em dias melhores que passou a se contentar com dias medíocres. Guardou sua loucura em alguma gaveta e nem lembra mais.

Santa mesmo, só Nossa Senhora, mas cá entre nós, não é uma doideira o modo como ela engravidou? (não se escandalize, não me mande e-mails, estou brin-can-do).

Toda mulher é doida. Impossível não ser. A gente nasce com um dispositivo interno que nos informa desde cedo que, sem amor, a vida não vale a pena ser vivida, e dá-lhe usar nosso poder de sedução para encontrar "the big one", aquele que será inteligente, másculo, se importará com nossos sentimentos e não nos deixará na mão jamais. Uma tarefa que dá para ocupar uma vida, não é mesmo? Mas além disso temos que ser independentes, bonitas, ter filhos e fingir de vez em quando que somos santas, ajuizadas, responsáveis, e que nunca, mas nunca, pensaremos em jogar tudo pro alto e embarcar num navio-pirata comandado pelo Johnny Depp, ou então virar uma cafetina, sei lá, diga aí uma fantasia secreta, sua imaginação deve ser melhor que a minha.

Eu só conheço mulher louca. Pense em qualquer uma que você conhece e me diga se ela não tem ao menos três dessas qualificações: exagerada, dramática, verborrágica, maníaca, fantasiosa, apaixonada, delirante. Pois então. Também é louca. E fascina a todos.

Todas as mulheres estão dispostas a abrir a janela, não importa a idade que tenham. Nossa insanidade tem nome: chama-se Vontade de Viver até a Última Gota. Só as cansadas é que se recusam a levantar da cadeira para ver quem está chamando lá fora. E santa, fica combinado, não existe. Uma mulher que só reze, que tenha desistido dos prazeres da inquietude, que não deseje mais nada? Você vai concordar comigo: só sendo louca de pedra.

Aluisio Paixão disse...

Feliz aniversário colega, muitas alegrias e festas na sua vida regada com uma saúde e trabalho, que é o que gostamos! Seu leitor de Castanhal.

blogger do passarinho disse...

Feliz aniversário!! Tudo de bom!!!!

blogger do passarinho disse...

Feliz aniversário!! Tudo de bom!!!!

RS disse...

Queridos, a todos vocês muito obrigada e felicidades para todos nós

Anônimo disse...

Oi, Rita. Mandei um voto de parabéns, mas não saiu. Faço o registro. Parabéns de novo. Lúcio

RS disse...

Meu caro Lúcio, jamais perdoarei o blogger por ter desviado sua mensagem. Pelo menos o universo conspirou e pudemos nos encontrar pessoalmente.
São dessas surpresas que falo no post.
Obrigada pela visita e pela inspiração
Abs

Anônimo disse...

Minha mensagem dizia que você já se deu um presente de aniversário valioso quando criou este blog. Ele supre uma falta incrível nestes dias de desinformação sobre a disputa eleitoral. Nunca testemunhei eleição tão medíocre quanto a atual. Tanto em nomes a serem eleitos quanto na cobertura do processo - e, infelizmente, também na participação do eleitor. Seu blog é um respiradouro. Mantenha-o assim e, se possível, o aperfeiçoe. Não subestimo o quanto custa ficar na linha de frente (que, paradoxalmente, é também retaguarda) dos acontecimentos. Mas espero que você consiga manter-se e nos informar, oferecendo um produto cada vez mais raro na grande imprensa: fatos. Desjo que a nova mensagem não siga para o éter. Parabéns e novo abraço. Lúcio Flávio Pinto

RS disse...

Ufa, quando vi a mensagem fiquei com medo de fazer alguma coisa errada e perdê-la sem ler. Mas ai está.Suas palavras são o maior incentivo que poderia receber.
Um grande abraço

blog do bacana-marcelo marques disse...

Parabéns Rita, sou seu admirador.
Saude.

RS disse...

Marcelo, a recíproca é totalmente verdadeira
Saúde para todos nós
Abs