Pages

quarta-feira, 21 de julho de 2010

Vai uma doação ai?

A assessoria de imprensa da candidata à reeleição, Ana Júlia divulgou agora há pouco dados da coordenação financeira da campanha

O tesoureiro é Alberto Rocha Cunha, funcionário do Banco do Brasil, ex-presidente e também ex-tesoureiro do Sindicato dos Bancários do Pará e Amapá.

A conta bancária para doações é a 131301-0, agência 1846-5 do Banco do Brasil, aberta no último dia 12. Os doadores são identificados pelos Códigos de Pessoa Física (CPF) e Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) e podem retirar o recibo da doação no Comitê Acelera Pará.

As pessoas físicas podem doar até 10% do rendimento bruto obtido no ano de 2009 e as pessoas jurídicas, até 2% do faturamento bruto de 2009, desde que, em ambos os casos, o rendimento e o faturamento estejam expressos na declaração do Imposto de Renda, conforme estabelece a lei eleitoral.

6 comentários:

Flávio Costa disse...

O Alberto Cunha é da CAIXA .

Anônimo disse...

Acham pouco o dinheiro que o povo paraense já doa através dos impostos pagos, ainda querem mais doações.Vai ver que os 47 milhões que serão gastos na campanha ainda não estão sendo suficientes para reeleger a candidata do PT.Também, com toda a rejeição que ela tem, é bem provável que não seja mesmo.

Anônimo disse...

Esse Alberto não é irmão do Paulo Cunha, que tem mulher dois irmãos (agora três), cunhada e sobrinhos com DAS no Governo???

Anônimo disse...

Quem é o(a) insano(a) que vai doar o pouco que tem pra campanha dessa doidivana? Só se for pra construir um foguete e despachá-la pra fora da órbita da terra.

mapinguari disse...

Eu ia comentar que 10% é coisa de quem é chegado a um dízimo, mas eis que o anônimo aí de cima chega com essa informação que deposita mil pulgas nas orelhas peludas deste Mapinguari.
Hummmmmm, snif snif, tô sentindo cheiro de notícia.
Ass. Mapinguari, o de nariz apurado.

Anônimo disse...

dízimo petista, ah! esse mapinguari, ainda te acho...